Vicios e a Obsessões.

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Vicios e a Obsessões.

Mensagem  Wilson Moreno em Ter Abr 22, 2014 2:40 pm

Vício - suicídio inconsciente e as Obsessões.

1)A invigilância moral que nasce e se estrutura na ignorância humana, com relação ao conhecimento da vida espiritual, tem dizimado milhões de criaturas através dos tempos, e o pior é que continuará sua marcha lúgubre.
O Espiritismo vem tirar da pasmaceira moral os Espíritos aqui reencarnados, a fim de que melhorem, um pouco que seja, a qualidade de suas vidas, fazendo-os ver e sentir as conseqüências de seus vícios, paixões e desatinos cultivados através do corpo carnal.
Nessas horas de devaneio a criatura se deixa envolver por Espíritos inferiores, de baixo padrão vibratório, quando o ser perde o domínio integral de si mesmo. Criam-se algemas cruéis, difíceis de serem abertas. É a malha do vício que aprisiona, cerceia a liberdade, impõe condições, passa a dominar.
Queremos referir-nos ao tabagismo, esquecendo por enquanto os demais, como por exemplo o alcoolismo, o uso de drogas, a maledicência, o hábito de caluniar, a glutonaria, o sexo em desregramento, a violência, etc., tudo isso causando sérios curtos- circuitos no perispírito do viciado, energeticamente desestruturando-o, tendo em vista que ele será o molde do novo corpo físico da próxima reencarnação do viciado.
Para deixar o cigarro é preciso readquirir o poder da vontade que se estiolou diante da prepotência, do autoritarismo da nicotina e seus sequazes.  O viciado é aquele que perde o comando da mente.   A luta do viciado pela recuperação do controle da vontade torna-se mais acerba pelo fato de o vício haver encontrado quem lhe insufla maior potência: os Espíritos_tabagistas_desencarnados. As mentes de além-túmulo não se desvinculam com facilidade, sem mais nem menos, deste foco que alimenta seus desregramentos: o fumante terreno. ... etc.

Revista reformador Abril-2002 -  ADÉSIO ALVES MACHADO
Belo texto, vamos ver a influencia nociva dos espíritos viciosos sobre os encarnados que possuem maus pensamentos, maus desejos e Vícios, como, o vicio do fumo, da bebida, das drogas, do jogo.
Cada vicio é uma porta aberta as influencias dos maus espíritos, existe muitos desencarnados apegados aos prazeres matérias, as sensações carnais, para afastar os maus espiritos temos que lutar contra os nossos maus pensamentos, maus desejos e vícios, temos que nos depurar moralmente, cultivar a prece sincera, manter os pensamentos elevados e positivos e ter atitudes mais calmas e concentradas na pratica das boas ações.
Esses espiritos desencarnados que pedem cigarros, bebidas, charutos, cachaça, velas e despachos, são espiritos viciosos ainda apegados as sensações da matéria, como eles não possuem mais seus corpos carnais para saciarem seus desejos viciosos, eles vão procurar algum encarnado que possua vícios, maus desejos e tenha uma vontade fraca, esses encarnados são utilizados por essas inteligências desencarnadas para saciarem seus desejos mórbidos.

2) No mundo espiritual tudo é atração e sintonia, encarnados viciados na bebida, cigarros, drogas, jogo, vão atrair pela sintonia dos pensamentos, desencarnados apegados a esses vícios.
O mal atraindo o mal, o vicio atraindo o vicio, a ignorância atraindo a ignorância.
Para atrairmos os espiritos de luz ou espiritos elevados, temos que criar condições mentais e morais positivas e nobres.
Repelir os vícios e maus pensamentos, cultivar pensamentos positivos e nobres, praticar boas ações, manter a conduta moral reta no Bem, na Caridade e nas Virtudes, dessa forma vamos entrar em sintonia com os espiritos luminosos.
O Bem atrai o Bem, a virtude atrai a virtude, a caridade atrai a caridade.
Não adianta usar objetos matérias como, velas, amuletos, talismã, roupas brancas, imagens, sinais cabalísticos, nada disso funciona, isso é misticismo e superstições tolas, tudo reside em nossos pensamentos elevados e puros.

Vejamos uma observação de J. Herculano Pires.
A força do Espírito não é material, mas moral. E a força do médium é a mesma do Espírito. ENGANAM-SE, POIS, AS PESSOAS QUE PROCURAM TRABALHOS FORTES EM TERREIROS DE UMBANDA etc., sob a alegação de que os obsessores precisam ser afastados por meio da força. A única força que os pode realmente afastar é a força moral. O tratamento da obsessão é antes de tudo uma evangelização.
O perispírito do obsedado, como diz Kardec, foi penetrado pelo do obsessor como a umidade penetra a roupa, e só a doutrinação paciente e caridosa conseguirá livrá-lo dessa impregnação viciosa.

Como disse muito bem Herculano Pires.
A ÚNICA FORÇA QUE PODE AFASTAR OS MAUS ESPÍRITOS É A FORÇA MORAL, ou seja, os pensamentos elevados e positivos, a prece sincera, as boas ações, a pratica do Bem, da Caridade e das Virtudes.
Sem elevação moral não vamos conseguir afastar os maus espíritos.

Vejamos uma observação muito importante do Professor J. Herculano Pires sobre essa questão.
Não se deixe atrair por macumbas e as diversas formas de mistura de religiões africanas com as nossas crendices nacionais.
Não pense que alguém lhe pode tirar a obsessão com as mãos. Os passes têm por finalidade a transmissão de fluidos, de energias vitais e espirituais para fortificar a sua resistência.
Não confie em passes de gesticulação excessiva e outras fantasias. O passe é simplesmente a imposição das mãos, ensinada por Jesus e praticada por Ele. É uma doação humilde e não uma encenação, dança ou ginástica.
NÃO CARREGUE AMULETOS NEM PATUÁS OU COLARES MILAGROSOS. TUDO ISSO NÃO PASSA DE SUPERSTIÇÕES PROVINDAS DE RELIGIÕES DAS SELVAS. VOCÊ NÃO É SELVAGEM, É UMA CRIATURA CIVILIZADA CAPAZ DE RACIOCINAR E SÓ ADMITIR A FÉ RACIONAL.
ESTUDE O ESPIRITISMO E NÃO SE DEIXE LEVAR POR TOLICES.
Dedique-se ao estudo, mas não queira saltar de aprendiz a mestre, pois o mestrado em espiritismo só se realiza no plano espiritual. Na Terra somos todos aprendizes, com maior ou menor grau de conhecimento e experiência.

Como disse Herculano Pires: NÃO CARREGUE AMULETOS NEM PATUÁS OU COLARES MILAGROSOS. TUDO ISSO NÃO PASSA DE SUPERSTIÇÕES PROVINDAS DE RELIGIÕES DAS SELVAS. VOCÊ NÃO É SELVAGEM, É UMA CRIATURA CIVILIZADA CAPAZ DE RACIOCINAR E SÓ ADMITIR A FÉ RACIONAL.

Herculano Pires completa.
PALAVRAS, AMULETOS, MEDALHAS, IMAGENS E OUTROS INSTRUMENTOS DO CULTO RELIGIOSO OU DE PRÁTICAS MÁGICAS NADA INFLUEM SOBRE OS ESPÍRITOS PERVERSOS, SE AQUELE QUE OS EMPREGA NÃO POSSUIR VIRTUDES MORAIS E NÃO AGIR COM AMOR, HUMILDADE E COMPREENSÃO. AGINDO ASSIM, TODOS OS INSTRUMENTOS E ARTIFÍCIOS SÃO DISPENSÁVEIS.

Vamos concluir que é pela Elevação Moral e pelos Pensamentos puros e nobres e pela pratica do Bem e das Virtudes que esta a única Defesa psíquica contra os maus espíritos.

3) Em O Livro dos Médiuns, no item 282, Kardec interrogou os Espíritos acerca do assunto:

17ª Certos objetos, como medalhas e talismãs, têm a propriedade de atrair ou repelir os Espíritos conforme pretendem alguns?

"ESTA PERGUNTA ERA ESCUSADA (DESNECESSÁRIA), PORQUANTO BEM SABES QUE A MATÉRIA NENHUMA AÇÃO EXERCE SOBRE OS ESPÍRITOS. FICA BEM CERTO DE QUE NUNCA UM BOM ESPÍRITO ACONSELHARÁ SEMELHANTES ABSURDIDADES. A VIRTUDE DOS TALISMÃS, DE QUALQUER NATUREZA QUE SEJAM, JAMAIS EXISTIU, SENÃO, NA IMAGINAÇÃO DAS PESSOAS CRÉDULAS."

A questão 554 de “O Livro dos Espíritos” corrobora essa posição. Confiramos:
P.: “Que efeito pode produzir fórmulas e práticas mediante as quais pessoas há que pretendam dispor do concurso dos Espíritos?”

R.: “(…) TODAS AS FÓRMULAS SÃO MERA CHARLATANARIA. NÃO HÁ PALAVRA SACRAMENTAL NENHUMA, NENHUM SINAL CABALÍSTICO, NEM TALISMÃ, QUE TENHA QUALQUER AÇÃO SOBRE OS ESPÍRITOS, PORQUANTO ESTES SÃO SÓ ATRAÍDOS PELO PENSAMENTO E NÃO PELAS COISAS MATERIAIS”. E CONTINUA MAIS ADIANTE: “ORA, MUITO RARAMENTE AQUELE QUE SEJA BASTANTE SIMPLÓRIO PARA ACREDITAR NA VIRTUDE DE UM TALISMÃ DEIXARÁ DE COLIMAR UM FIM MAIS MATERIAL DO QUE MORAL. QUALQUER, PORÉM, QUE SEJA O CASO, ESSA CRENÇA DENUNCIA UMA INFERIORIDADE E UMA FRAQUEZA DE IDEIAS QUE FAVORECEM A AÇÃO DOS ESPÍRITOS IMPERFEITOS E ESCARNINHOS”.


Disso tudo que colocou o Mestre Allan Kardec, podemos resumir o seguinte, tudo depende somente dos nossos Pensamentos, sentimentos e atitudes, para se atrair os espíritos desencarnados, a cada um segundo as suas Obras, o uso de amuletos, talismã, roupas brancas, medalhas mágicas, exorcismos, palavras sacramentais, sinais cabalísticos, imagens de santos, são tudo baboseiras criadas pelo misticismo religioso, nada disso tem valor espiritual.
Para afastar os maus espíritos temos que buscar a nossa Reforma Moral, ter uma vida terrena digna, correta, honesta, praticar o Bem, a caridade e as Virtudes, cultivar a prece sincera e pensamentos elevados e puros, ter uma fé racional em Deus, combater os maus desejos, combater os vícios, combater os maus pensamentos, combater os maus hábitos,  dessa forma a pessoa consegue elevar seu campo vibratório entrando em sintonia com os Espíritos de Luz ou Espíritos Superiores.
E vai afastar as influencias psíquicas negativas dos maus espíritos.
Onde estiver  o Bem, a Verdade e as Virtudes o mal se afasta, por falta de sintonia vibratória.

Vejamos uma observação muito importante do Mestre Kardec.
OUTRA VERDADE, IGUALMENTE VERIFICADA PELA EXPERIÊNCIA, E QUE A LÓGICA COMPROVA, É A COMPLETA INEFICÁCIA DE EXORCISMOS, FÓRMULAS, PALAVRAS SACRAMENTAIS, AMULETOS, TALISMÃS, PRÁTICAS EXTERIORES OU QUAISQUER SÍMBOLOS MATERIAIS.

O Mestre Jesus disse, somente a Verdade poderá libertar o homem.

Wilson Moreno na busca da Verdade.

Wilson Moreno

Mensagens : 10
Data de inscrição : 22/04/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum